Compra coletiva de viagem internacional funciona? Uma experiência…

^
atendimento de agência compra coletiva viagem internacional
Conheça a Loja Dondeando Por Aí

Compra coletiva de viagem internacional funciona? Uma experiência…

Depois que os e-mails de compras coletivas viraram febre nas nossas caixas de mensagens, fica aquela pergunta feita à boca pequena, à espera de amigos de confiança que possuam algum testemunho encorajador (ou não) : vale a pena comprar cupons de compras coletivas para viagens internacionais?

A pergunta é feita assim, bem baixinho, ao mesmo tempo em que o preço tentador hipnotiza nosso dedo que coça para clicar no botão de “comprar”, junto com a pulga atrás da orelha que, cética e santa que é, desconfia que a esmola tá boa demais para ser verdade…

A verdade é que compras coletivas, para viagens, é um assunto que dá pano para a manga. Tem gente que vai dizer que comprou e gostou, tem gente que vai dizer que não compra nem de jeito nenhum… Eu, particularmente, confesso que sou do time que, mesmo apaixonada por uma boa promoção de viagem, liga o desconfiômetro quando o assunto é esse. Afinal, quem já experimentou cupom de hidratação de cabeleireiro e de combo de pizza média com refrigerante, e ainda assim não saiu plenamente satisfeita com o atendimento, o que esperar de uma viagem internacional em que há muito mais detalhes em jogo e que, se alguma coisa faltar, o complemento sai do seu bolso e (bem) mais caro?

O assunto dá samba… Então, para abrir a discussão, compartilho aqui com vocês a experiência ” Groupon / Star Travel” ( e se é um case de sucesso ou não, depende do ponto de vista) de uma pessoa que acompanhei bem de perto. Mais uma vez, o que aconteceu não é regra geral em compras coletivas de viagem (espero!), mas não deixou de ser uma referência de um mau operador, da força das redes sociais, e do trabalho que uma marca tem que fazer para “consertar o estrago depois”.

Compartilho a minha experiência, e agradeço a quem puder compartilhar a sua (positiva ou não). Afinal, consumidores unidos – e esclarecidos – jamais serão vencidos!

Era uma vez um cupom de compra coletiva…

A personagem: Elaine Castro, jornalista, moradora de Vila Velha – ES, mãe do Gabriel e casada com Jean. Como você e eu, contribuinte incansável do PIB deste país, e que um dia resolveu tirar merecidas férias com o marido.

A promoção: Veiculada pelo Groupon e promovida pela agência Star Travel, incluía 3 noites em Santiago do Chile + 3 noites em Buenos Aires para duas pessoas, com hospedagem e passagem aérea, traslado de chegada e saída, city tour e seguro viagem. Preço bacana.

Ela comprou. Em 23 de junho de 2011.

Eis o cupom da promoção, comprado dentro dos conformes (e pago, obviamente). E a história começa a partir daí…

Segue aqui a linha do tempo com o desenrolar dos acontecimentos, de acordo com a própria Elaine:

A agonia da espera (por Elaine Castro) 

27 de junho de 2011: fiz o primeiro contato com a Star travel pra tentar marcar. Consegui retorno com as orientações.

11 de julho de 2011: defino o dia da viagem (que seria dia 2 de outubro de 2011) e envio email para marcar. Não tenho resposta.

25 de julho de 2011: tento mais uma vez e não tenho resposta. Envio mais uma reclamação pro Groupon e recebo a resposta padrão.

27 de julho de 2011: tento novo contato. A Star travel me retorna, diz que fez as reservas e me cobra a taxa de embarque, afirmando que somente com ela as passagens poderiam ser emitidas. Paguei.

29 de julho de 2011: o Groupon cria uma página só pra atender as reclamações relacionadas a Star Travel. A Star Travel diz que recebeu meu pagamento das taxas e que eu receberia os vouchers em 15 dias.

Nenhum contato durante o mês de agosto. Enquanto isso, eu me programo para as férias junto à minha empresa, me organizo quanto às escalas de trabalho, organizo com quem vou deixar o meu filho. Tudo com aquela tensão interna de saber que as coisas não tinham sido resolvidas.

8 de setembro: comprei minhas passagens do Espírito Santo para o Rio de Janeiro para o dia 1o. de outubro, de onde sairia o vôo pra Buenos Aires.

Mandei emails e liguei para o Groupon e para a Star Travel nos dias 12, 14, 16, 19, 21 de setembro… a resposta sempre era de que a passagem seria emitida em breve.

“Escrevo MAIS uma vez pra reclamar que ainda não recebi os vouchers para minha viagem comprada através do Groupon/ Star travel. Faltam “10 dias” para a viagem!!

Fizeram minhas reservas e me cobraram as taxas, que já paguei! E até agora nada!! Agora ninguém atende a ligação transferida depois da gravação. Já reclamei com vocês e recebi uma resposta padrão de que a reclamação estava sendo passada para o setor de relacionamento.. até agora nenhuma resposta também.

Quero deixar claro que não comprei a viagem por causa da Star Travel. Comprei por causa da credibilidade do Groupon. Agora acumulo aborrecimentos, inseguranças e prejuízos. Tem noção de quanto já gastei de telefone esperando alguém atender minhas ligações? (moro em Vila velha, no ES. As ligações são para o Rio de Janeiro).

Para piorar, agora entro no setor “meus pedidos” do site de vocês e “meu cupom está como utilizado”. Que palhaçada é essa??

Trabalho como louca pra aproveitar minhas férias uma vez por ano. Me planejei. Comprei a viagem com antecedência e marquei com antecedência também (depois de muita dificuldade). Já foi descontado do meu cartão de crédito. Quero meus vouchers para Buenos Aires e Santiago!

Elaine Castro”


E a resposta do Groupon:

Olá Elaine, tudo bem?

Estamos entrando em contato para informar que seu caso esta sendo tratado pela Star Travel. Em breve, o parceiro entrará em contato via e-mail ou por contato telefônico para solucionar por completo seu caso.

Se o contato não for realizado ou algum outro imprevisto persistir, fale diretamente conosco para que possamos tomar as providências cabíveis com o parceiro.

Um abraço,

Viviane Teves Equipe Groupon

23 de setembro de 2011 (9 dias antes da viagem): recebi uma reserva dos hotéis, ainda não confirmada. Tenho cobrado a parte aérea e as confirmações todos os dias desde então. Nada!

Dias 24, 25, 26, 27, 28 e 29 de setembro: cri cri cri…

A ajuda das redes sociais (por Clarissa Donda)

30 de setembro (2 dias antes da viagem): Elaine conforma-se que não vai viajar mais, reúne os documentos para entrar com um processo contra o Groupon e Star Travel e faz suas malas para vir ao Rio de Janeiro, e tentar resgatar em terras cariocas a empolgação perdida que seria na Argentina.

Mas antes, ela posta essa mensagem no Facebook:

Desabafo no Facebook: prestem atenção no dia e horário da postagem!

Eu, aqui do Rio, ainda no trabalho em plena sexta-feira, vi o post reclamando e começo a divulgar o problema na timeline do twitter deste blog que vos fala, o @DondeandoPorAi.  Primeiro divulgando o chabu, depois perguntando quem já passou por isso, depois retuitando as respostas do povo – tudo acompanhado das hashtags #Groupon e #fail. Eis alguns dos tweets do dia:

Infelizmente não tenho como colocar mais printscreens desses tweets, porque fui “zé mané” na época e quando me dei conta de que isto seria um ótimo assunto para um post, o tempo passou, e estes tweets foram para o limbo dos “old tweets” que não são mais recuperados. Pesquisando, até descobri alguns programinhas que vasculham essas coisas, mas só achei esses acima! Pois é, perdi, playboy! 🙁

Algumas pessoas se solidarizaram, retuitaram, compartilharam do stress… Enfim, o frenesi dos tweets e retweets durou, aproximadamente, uns 20 minutos, até que recebi um contato do @GrouponMemphis, que me perguntou (em inglês) se ela tinha entrado em contato com a central de atendimento do Groupon.

Ou seja, eles viram o piti e tiveram o trabalho de traduzir e responder…

Contei todo o episódio, via twitter, para eles em inglês. Eles pediram o código da compra delas. Pedi a ela – e mandei para eles. Isso já era umas 20 horas do dia 30 de setembro (2 dias antes da viagem, e alguns minutos após eu ver o post dela no Facebook.)

Recebo então essa resposta:

Ok, fiz minha parte. Fechei meu computador, avisei minha prima que tinha mandado tudo para os gringos e disse para ela reunir toda a papelada para fazer o processo, mas que infelizmente eu também duvidava que ela fosse viajar. Lamentei o estresse que ela teve e a empolgação perdida, e disse ainda que, pelo menos, “O Groupon dos EUA já tá sabendo que aqui a coisa tá uma zona”. E fui para casa.

Ah, só um adendo, não sei se vocês repararam… Quem entrou em contato foi o @GrouponMemphis, gringo. O @Groupon_BR, brasileiro, pelo menos até então, nem tchum…

E qual não é a surpresa que…

Dia 1 de outubro – ou seja, no dia seguinte ao acontecido e véspera da viagem, Elaine acorda e descobre, na sua caixa postal, que os vouchers da viagem tinham sido enviados durante a noite e amanheceram lindamente à sua espera…

Só para vocês conferirem: abaixo estão os ditos cujos – reparem na data de emissão! No mesmo dia: foram emitidos na madrugada!

Primeiro voucher enviado. Notem a data de emissão: 1 dia antes da viagem!

Inacreditável… E agora me diz: se é para emitir no mesmo dia, para que o estresse de meses pedindo o voucher?

E aí, Elaine refaz a mala inteira de viagem na mesma manhã e embarca para o Rio de Janeiro. Mas, vouchers entregues, ela feliz, eu toda boba com a minha intervenção, e teoricamente final da história, certo?

Ainda não… Como reza a lenda de que existe vida após o voucher, eis então o relato da prestação de serviços lá fora, dados pelos próprios viajantes. Mais uma vez com a palavra, Elaine:

“Os vouchers das passagens chegaram na tarde anterior, 15 horas antes da viagem INTERNACIONAL. Por sorte, já tínhamos comprado as passagens para o Rio e, já que a viagem era algo tido como perdido, compramos ingressos para os shows do Rock in Rio no dia 1o…. caso contrário não teríamos como pegar o voo, já que moramos no Espírito Santo.

Tenho certeza absoluta que só conseguimos viajar por causa da mobilização nas redes sociais, principalmente a sua. Os vôos não eram os combinados anteriormente, nem número, nem horário de partida. No aeroporto descobrimos que as passagens foram confirmadas em cima da hora…

Chegamos à Buenos Aires e havia o traslado combinado (foi a única coisa que aconteceu como combinado e sem esforço). No aeroporto conhecemos um outro casal, do Rio de Janeiro, que havia passado pela mesma situação que eu. O cara teve que ir à sede da agência Star travel fazer pressão para conseguir a lua de mel.

No hotel.. nada de reserva feita! O gerente nos afirmou que todos os dias chegam casais enviados pelo Groupon, sem nada reservado. Passamos o cartão de crédito como garantia. E conhecemos outro casal, desta vez de Campos, sem reserva também. Como já estão acostumados com o trambique, os funcionários dos hotéis já sabem como tentar ajudar… Eu comecei a enviar mensagens pelo facebook para o Groupon Brasil e me passaram um email para falar direto com um funcionário deles que ia resolvendo os problemas assim que eles apareciam.

E eles apareceram! A van que nos levaria para o aeroporto na volta não apareceu, pagamos o táxi. Em Santiago, no Chile, seria até engraçado se não fosse tanta raiva… os taxistas e operadores de turismo do aeroporto ficam rindo e dizendo : “Groupon? Star travel? kkkkk !”. Por sorte conheci um brasileiro que trabalhava lá e nos ajudou…uma empresa de turismo receptivo que ia para o lado do nosso hotel fez o favor de nos deixar lá.

Chegamos ao hotel e nada de reservas novamente! Conhecemos mais um casal (lado bom da história… fizemos muitos amigos! rs) enganado pela mesma compra coletiva. O dono do hotel, muito gente boa, com cara de dó e muito puto por ter o nome do hotel dele sendo manchado desse jeito, nos indicou outro lugar pq o dele estava lotado e lá fomos nós. Ele disse que também tem o mesmo problema todos os dias.

O tempo todo eu fui obrigada a procurar internet para implorar ajuda do tal funcionário do Groupon. Fizemos o city tour prometido e a van foi nos pegar pra levar pro aeroporto, mas só depois de eu, mais uma vez, entrar em contato com o rapaz. E, deixando claro, que isso foi só pra nós. O outro casal que ficou no mesmo hotel que a gente não teve o city tour prometido e só foi conosco pro aeroporto pq a gente pediu muito pro motorista que ia nos levar.

Bom… essa foi a parte que dependeu do Groupon. A parte que dependia de nós foi maravilhosa! Comemos muita carne na Argentina, brincamos com cachorros, andamos, andamos, andamos… O Chile conquistou meu coração. Demos a sorte de nevar em Valle Nevado, mesmo fora da temporada. Tudo é lindo, os chilenos foram uns amores, a Concha y Toro é muito legal… ”

Dito isto, levanto aqui algumas questões para discussão:

1) Fiquei surpresa com a moral que eu descobri que tinha com o Groupon nos Estados Unidos! 🙂 Brincadeirinha, com um quê de verdade: fiquei feliz e impressionada com a força das redes sociais. Uma coisa é saber o poder e o alcance que elas tem; outra é testemunhar a coisa acontecendo.

2) Ok, tudo bem que a culpa é mais da agência ou prestador de serviço do que do próprio Groupon (no caso, Star Travel). Mas vem aí dois questionamentos:

  • Não deveria ter uma espécie de controle de qualidade do Groupon que impedisse certas empresas de anunciar ofertas por não terem cumprido previamente com o oferecido – e era o caso, uma vez que a protagonista do perrengue já tinha visto uma série de reclamações da Star Travel no Reclame Aqui, por exemplo? Penso, inclusive, que é o que “marketeiramente” faz mais sentido, porque se você compra um cupom do “Zé das Couves” pelo Groupon e o “Zé” não cumpre o prometido, quem é o primeiro de quem você pensa mal? O “Zé das Couves” ou o Groupon?
  • Se não sabe brincar, não desce para o play“, já dizia a sabedoria popular. Se uma agência, ou qualquer prestador de serviço que seja, sabe (ou prevê) que não tem como atender com qualidade uma demanda extra gerada por uma promoção, e com uma consequente margem de lucro reduzida (é uma promoção, né?), tendo que bancar muitas vezes uma operação que exige uma organização diferenciada para se tornar factível – e satisfatória – então não faça nada, ué. Simples assim. Compra coletiva é investimento para divulgar o serviço ou promoção para girar estoque – então, se vai fazer, faz direito. Com a mesma qualidade e para todos os clientes. Ou não faz. Caramba.

Atualização do caso: Fiquei sabendo que, dia 7 de janeiro de 2012, o Groupon entrou em contato com a Elaine solicitando os comprovantes das despesas extras digitalizado em pdf para ressarcimento dos mesmos e posterior finalização da reclamação no Reclame aqui. Pelo menos, fica o alívio, de que o Groupon brazuca está cumprindo a parte dele. Menos mal. Mas precisava desse estresse? E, outra pergunta, é assim em todos os casos?

3) Pelo menos, na minha ínfima participação na história, fiquei satisfeita com a providência imediata do Groupon dos Estados Unidos no caso. Satisfeita e envergonhada: imagino o esporro que o pessoal de lá deve ter dado no povo do Groupon Brasil por conta disso, e envergonhada pelo papelão sem necessidade: o povo do Groupon dos EUA tendo que intervir porque a coisa aqui no Brasil estava uma bagunça…

4) Sei lá… Acho que, no fim das contas, eu até compraria uma viagem de compra coletiva com o Groupon lá fora. Aqui, não.

5) Penso cá com meus botões… Ela conseguiu resolver o problema porque jogou o chabu nas redes sociais. Esperneou. E eu também. Gritamos juntas daqui no Twitter. Mas, e se ela não tivesse Twitter ou Facebook? Ou se fosse uma simples usuária de apenas 5 seguidores – mas, ainda assim, com os mesmos direitos de um atendimento decente e honesto? Me pergunto se a coisa iria rolar…

Agora, me digam vocês… Já passaram por um problema desse? Ou, melhor, têm uma experiência boa? Pode contar? Vamos abrir a discussão: se as compras coletivas são uma forma de democratizar as viagens internacionais, será que tá sendo bem feito a ponto de dar para confiar – e relaxar, como é o que se espera de uma viagem a lazer?

A mesa está aberta aos comentários…

Jornalista e profissional de Marketing, largou a vida empresarial certinha para descobrir se viajar o mundo ia fazê-la uma pessoa melhor. E hoje, anos depois, ela mora em Londres, mas vive com um pé no Brasil e por outros lugares. Trabalha com jornalismo e turismo, ainda não aprendeu a dobrar mapas, volta e meia se perde com a falta de rotina e escreve-apaga-reescreve por horas o mesmo post até publicá-lo. Mas é muito mais feliz. Ô se é.

    Siga-me

Comentários do Facebook

Comentários do Blog - 138 Comentários

  1. Mauricio Oliveira

    Excelente a matéria, Clarissa! Adorei!
    Sorte dela ter vc para ajudar. Senao seria mais uma vitima de um serviço irresponsavel que não avalia as empresas com quem trabalham.
    Ahhhhh, e devemos manter o desconfiômetro sempre ligado!
    Bjs

  2. Cidilan (@sepluganomundo)

    Olá, Natália

    Parabéns pela ótima matéria! Que sufoco, para ter uma viagem… Toda essa situação nos mostra o poder das redes sociais, e da influência que nós temos. É sempre bom estar atento também, aos valores, por que, aquilo que eles oferecem no site, é realmente vantajoso financeiramente. As vezes, é o mesmo preço que eles cobram no dia a dia… por isso, é interessante, um telefonema antes… Abraço!

    • Clarissa Donda

      Oi, Cidilan, tudo bem?

      Que bom que gostou! Minha intenção era compartilhar as experiências mesmo, pois existem ofertas interessantes, resta saber se o barato não sai caro!
      Só um detalhe: é Clarissa, e não a Natália, quem escreve no blog! 🙂
      Um abraço!

  3. Arthur

    Bom post! Eu não faria de jeito nenhum. Há muitas variáveis em jogo para dar errado. Aliás, até hoje nunca usei nada de sites coletivos de compras.
    Bjs!

  4. Flora

    Ótima materia! Eu nunca fiz nenhuma compra nestes sites. Agora que não faço mesmo.

  5. Simone

    òtimo relato Clarissa. Mais um motivo para ficarmos de olho aberto nestas promoções irresistiveis assim. Nunca comprei e tb não pretendo comprar pacotes de viagem por lá (mesmo antes de ler este post). Melhor “arriscar” só em coisas de valor menor…
    Concordo contigo que deveria haver alguma verificação de idoneidade das empresas por parte do Groupon, para que não ocorra estes problemas. Se já tem verificação, deveriam melhorar e se agilizar mais para obrigar o fornecedor a cumprir o estipulado, coisa que parece que não foi feita ou não funcionou…
    Vou divulgar o post para o pessoal que conheço, outro dia me perguntaram isso!

  6. CarlaZ

    Oi Clarissa,
    Eu lembro desse caso no twitter, mas sabendo dos detalhes é ainda pior. A gente sabe a importância que nossas férias têm! E a expectativa em relação as viagens.
    Nem olho essas promoções porque não tenho coragem mesmo de comprar. Até o pedaço de pizza deixei pra lá, não quero saber de compras coletivas!

  7. Carolmay

    Ótimo relato Clarissa!
    Acho que é bom tentar descobrir algo da empresa que está anunciando no site de compra coletiva. Eu comprei aquele do Costão e foi tudo muito tranquilo, mas era o nome do Costão em jogo.
    Tenho um amigo que comprou para Miami, já está com tudo reservado, confirmado e só viaja em maio. Vou passar o link do post para ele se ligar e depois vir aqui comentar como foi a experiência dele.
    Bjos

    • Clarissa Donda

      Obrigada, Carol!
      Conheço pessoas que também não tem muito a reclamar de compras coletivas aqui no Brasil – e concordo com você, no seu caso era o nome do Costão! – mas seria bacana ter a opinião dele em relação a um pacote de compras internacionais, porque, pelo menos esses, eu nunca conheci ninguém que estivesse satisfeito, e seria levar ter um relato positivo nesse sentido! 🙂

  8. Elaine Castro

    Adorei a matéria! E, confesso, senti raiva outra vez lendo sobre tudo o que passei. No final, graças a você e todos os que me ajudaram na campanha na internet, acabei tendo poucos prejuízos financeiros. Agora, me diga, quanto vale uma manhã inteira perdida no Chile, à procura de um novo hotel? BEijo, Cla! Obrigada mais uma vez.

  9. Daniel Conceição

    Muito boa a matéria! Me ajudou a tomar algumas decisões a respeito desses serviços. Parabéns!

  10. Adylan Lima

    Caramba que sufoco! Fiquei mais apreensivo lendo a sua matéria do que lendo algum livro de suspense! kkk

    Minha irmã e meu cunhado estarão fazendo a mesma viagem (com excessão do chile) agora em fevereiro e confesso que agora fiquei preocupado por eles…

    Bom, vamos ver o que acontece não é? Qualquer informação estarei contando aqui para vocês.

    Um abraço!

  11. Nicolas Nazareth

    Parabéns, Cla! Ficou bacana o post!

    Eu não compraria em site de venda coletiva porque gosto de ficar mais ”solto” quanto a escolha de cias aéreas, hospedagens, etc. Mas entendo que quem compra sua viagem por esses sites quer justamente cortar etapas ”chatas” de planejamento e economizar tempo .. parece que o efeito foi justamente o contrário. As férias, que são nosso prêmio por um ano de trabalho, deu muito mais trabalho do que devia! Uma pena!

  12. Compra Coletiva

    Meu Deus, eu já tinha pirado geral! No dia da viagem receber os vouchers é brincadeira…. E em cima de tudo uma viagem internacional para 2 paises no exterior! Manteve a calma viu, eu teria feito um escandalo ENORME!

  13. Anna

    Uma amiga minha comprou no Groupon uma viagem para Paris, com hospedagem e áereo. Depois de dois meses tentando marcar a data, descobriu que a empresa de turismo faliu. Simples assim.
    A Groupon devolveu o dinheiro todo, Graças a Deus.

    Eu não compro, mas sempre dou uma espiada nos hotéis indicados para ver se descubro alguma promoção.

  14. Larissa

    Wow! Eu tava exatamente procurando sites de compa coletiva para viagens internacionais quando o seu blog apareceu e eu vim ler soh pra ver o que era! LOL! Confesso que fiquei abismada com tudo q a sua prima passou e realmente eh uma vergonha o serviço ao cliente no Brasil.. O Groupon US tendo q intervir. Q vergonha!

    Eu pretendo comprar uma viagem pros EUA, e tava convencida q seria por site de compra coletiva, mas depois de ler seu post acho q não vou mais arriscar. Eu heim!! Vale a pena 1000 reais a mais e tranquilidade.

    Muito bom seu post!! Parábéns!! E obrigada.

  15. Octavio

    Na boa, não existe desconto de 30 ou 40% em viagens que sites como groupon etc fazem. Exemplo maior éa cvc, pq a cvc não faz? pq a margem operacional para dar desconto em pacote turistico é minima. A propria agência cvc no shooping tem um comissionamento de 12%, no maximo q vão te dar é de 3-4% q é nada! o restante do valor paga-se a companhia aérea, o hotel, a agênca q vai fazer o traslado e ponto.

    Não se iludem q estão fazendo o negocio do ano comprando viagens nesses sites. Outro dia vi um pacote para Orlando com desconto de 50%, quando vc encontrava o mesmo pacote com a passagem aérea pelo mesmo valor em agências q não fazem compra coletiva!!!

    Não sei como o Procon ainda está deixando barato essa divulgação mentirosa que esses sites estão fazendo!

  16. Bruno Dias

    Clarissa, excelente post! Parabéns!

    Caí aqui pesquisando no google, pq comprei a 1 semana um pacote para a Republica Dominicana e não estou conseguindo agendar com a empresa Viajanet. Seu post deu todas as diretrizes para se preparar para possíveis imprevistos e aborrecimentos.

    Sucesso!

    • Luiza Mozer

      Olá Bruno, estou querendo comprar um pacote para Punta Cana pela viajanet também, gostaria de saber se conseguiu agendar e se tem dado tudo certo…
      Obrigada, Luíza

  17. Melissa

    Mas que stress ne nao? Imagina que stress viajar dessa forma. Eu nao compro mais nada no groupon, desde que o serviço da massagem corporal que comprei num salao nao aconteceu e desde que fui comer num restaurante e nao veio filet mignon como prometido e eles mesmos avisaram que nao era a mesma carne pro goupon!!!

    Fico triste quando leio algo assim. A gente se esforça, se organiza pra viajar, marca datas, no trabalho, na familia e é tratado desta forma!

    • Clarissa Donda

      Concordo, Melissa. Eu já me decepcionava em serviços como cabeleireiro e sessões de estética anunciadas em sites de compras coletivas, imagina em uma viagem, em que o planejamento e a expectativa em jogo são muito altas… por isso acho que deve servir como um alerta para a gente não se deixar seduzir pelos preços baixos não…

  18. Sueli

    Parece brincadeira, comprei uma pacote para toda a familia, marido e 2 filhos, alem de ter feito uns 20 amigos comprarem o pacote para orlando groupon/star travel brasil, e essa semana após tirar visto, pagar taxas e comprar passagens para o rio de janeiro, local de embarque, recebo um telefonema do clickon dizendo que a star travel esta com problemas e o pacote ia ser cancelado.

  19. leticia

    Olá Clarissa, adorei o seu post. Tenho uma notícia boa e outra notícia ruim! A boa é que acabo de chegar de uma viagem feita ao Uruguai, comprada pelo Groupalia, oferecida pela GCMAX turismo, onde tudo correu maravilhosamente bem. Não tive sequer um percalço ou uma reclamação sobre o serviço prestado – e olha que eu sou uma pessoa chata e exigente!
    Em compensação, ao chegar dessa viagem, descobri em minha caixa de e-mail que a viagem que tinha comprado em junho para 08 (OITO) pessoas para a Disney, com a Star Travel Brasil, tinha sido cancelada, assim como a leitora SUELI!!! Um meeega transtorno – todo mundo já tinha combinado férias, remanejado turnos, uma dessas passagens era presente de 15anos para uma prima… nem me fala!!! Em contato com o Peixe Urbano, fui informada que o dinheiro ainda levará 15dias úteis para ser reembolsado. Estou tendo muita dor de cabeça com isso, pois o dinheiro só chegará – se chegar – pro final do mês de setembro, e para viagens em fevereiro, como era a nossa, já está ficando em cima da hora para comprar outro pacote!!!!!!!! Pois é… fica agora esse sabor bittersweet… uma viagem tããããão boa e outra que nem nunca acontecerá – não por esses meios!
    Gostaria de entrar em contato com Sueli, mas não consigo endereço de e-mail da mesma. Se você tiver, pode me passar, por favor?
    Juízo a aqueles que quiserem comprar Groupons e peixes urbanos. Não estamos nos EUA e, para as empresas brasileiras, a satisfação do consumidor é mera coincidência!!!!!

    • Clarissa Donda

      Leticia, confesso que fiquei feliz em saber que você teve uma boa experiência, porque é raro ouvir de pessoas que saíram complemente satisfeitas – embora, acredito, a desorganização, quando acontece, é por uma falha na operação da empresa de turismo, que nem sempre vende aquilo que ela tem condições de arcar se vendesse com o preço cheio. E o resultado é uma queda na qualidade.
      O seu caso mostra que é importante verificar a empresa que está oferecendo o pacote. Palmas, então, para a GCMAX turismo, né – porque a Star Travel, já estamos sendo informados do seu histórico!

      Mas pense no lado positivo dessa história toda: pelo menos, essa informação você recebeu com uma antecedência mínima, e não na VÉSPERA, como já aconteceu! Mesmo com todo o estresse de remanejar tudo, imagine como a frustração seria ainda maior!!

      Quanto ao e-mail da leitora Sueli, não posso passar sem autorização dela! Vou perguntar a ela por e-mail se autoriza e, caso positivo, te mando, tá? Ou ela mesma pode falar por aqui! 🙂

      E que venham mais boas viagens para nós, sem tantos tropeços! 🙂

  20. Venicio Neto

    Clariissa, lamento muito pela experiência que teve, empresas como essa (Star Travel) acabam causando um estrago enorme no mercado, falo por experiência pois sou proprietário da Viaje Prime Turismo, e vendo pacotes online como a Star Travel Service vendia, a diferennça é que temos uma preocupação enorme para que nossos passageiros não tenham que passar pelo o que vc passou. Me orgulho em dizer que de janeiro pra cá foram mais de 3000 passageiros para os mais diversos destinos (Miami, Orlando, Buenos Aires, Santiago, NY, Las Vegas, Paris, Madrid, dentre outros), com Zero Reclameaqui. Problemas ocorreram, é inevitável, mesmo porque a margem de falha humana e tecnológica existe em todas os tipos de agência, o que conta é como será o tratamento dado para para corrigir estes problemas, é aí que separamos as empresas sérias das mal intencionadas.
    Nos posts anteriores tem como mencionar o prejuizo que a agência que lhe vendeu causou ao segmento, são diversos potenciais consumidores afirmando que não comprarão mais Viagens online e muito menos em sites de compra coletiva, que é exatamente o meu negócio.
    O sites de com[pra coletiva são solidários e devem sim responder pela venda pois somente desta forma farão uma verdadeira avaliação dos parceiros que possuem.
    Falo por experiencia própria, pois tb possuo um site de compras coletivas (www.ofertaprime.com.br), e até o 9 (nono) mês de operação não havia uma reclamação sequer, bastou uma parceria indevida e tomei mais de 40 reclameaqui, e um prejuizo financeiro absurdo, pois devolvi o dinheiro de todo mundo mesmo sem receber o valor já pago ao “parceiro”, mas o estrago na imagem da minha empresa já estava feito.

    Finalizo informando que há sim luz no fim do túnel, ou seja, existem pessoas sérias e honestas por trás dos sites e das vendas online, mas exige que os consumidores pesquisem antes de aproveitar uma promoção atraente, e nem todos estão dispostos a isto.

    Tenho relatos no facebook da minha agência que servem como combustível para que continuemos com esta postura e dedicação

    Um abraço,

    Venicio Neto

    • Carol

      Olha que coincidencia, agorinha mesmo estava pesquisando sobre comprar ou nao um pacote do groupon ofertado pelo Viaje Prime. 🙂

      • Venicio

        Carol, boa tarde.

        Lamento não ter visto seu post anteriormente. A Viaje Prime permanece à disposição e os pacotes promocionais continuam ativos em nosso site.

    • Erica

      Olá Sr. Venicio Neto, achei seu post sensacional, estou pensando em comprar uma viajem para Orlando/FL mais ainda estou em duvida se fecho com uma agencia ou compras coletivas, ainda mais vendo varias reclamações em blogs como este e no reclame aqui principalmente das internacionais como a que pretendo fazer, mais você me pareceu muito transparente nas suas declarações, vou ate dar uma olhadinha no seu site, quem sabe consigo fechar um bom pacote!! Abraço.

    • Rafael

      Olá Venício, gostei de sua resposta e ganhou meu voto de confiança! Comprei juntamente com meu pai 6 cupons intermediado pelo Groupon de sua empresa. Total de 6 pacotes de viagens (Aéreo + Carro + Hospedagem) para Orlando e pretendo viajar em Março/2013! Criarei relato detalhado, semelhante ao da Clarissa para que as pessoas possam acompanhar o dia a dia de relacionamento com sua empresa.
      Desde já informo que até a presente data, tudo está ocorrendo dentro da normalidade e não tenho do que me queixar!

      • Clarissa Donda

        Que ótimo, Rafael, bom saber! Nos fale também se correu tudo certo! É bom ter esses exemplos – e a transparência do senhor Venicio mostra mesmo que é o melhor caminho a ser tomado.

        Será ótimo saber se correu tudo bem e se nós, clientes, podemos contar as vantagens da compra coletiva em uma empresa confiável e transparente! 🙂

      • Victor

        Estou querendo comprar este pacote para cinco pessoas. Viagem programada para Agosto.

        Gostaria de saber mais sobre a sua jornada !

        • Clarissa Donda

          Victor, dá uma olhadinha no depoimento do Lúcio, que acabou de voltar de uma viagem para Orlando pela Viagem Prime, e ficou bem satisfeito!

    • Kathy

      Estou vendo essas promoçoes ha um bom tempoe fazendo cotações a parte para comprações. Ate o momento a diferença é pouca para o estress que pode acontecer. Hoje vi uma promoção pela sua empresa que me deixou interessada, mas ja li sobre os problemas com essas tais datas disponiveis, taxas extras e etc. Tenho 15 dias de ferias que adoraria passar em Orlando, mas realmente todas essas historias relatadas na internet nos deixam em cima do muro!

      • Clarissa Donda

        Kathy, entendemos sua preocupação (e compartilhamos dela!), mas para nossa surpresa temos visto excelentes relatos de pessoas que tem comprado pacotes com a Viagem Prime e têm ficado satisfeitos. Um deles foi este do Lúcio, recebido e provado quase junto com você.
        É ou outro ponto de vista! 🙂

    • Gabriela

      Olá Pessoal, Olá Clarissa

      Em novembro de 2012 viajei pelo Viaje Prime, para Miami e Orlando. Comprei os vouchers pelo site Oferta Prime e não tenho absolutamente nenhuma reclamação por parte deles.

      A responsável pela minha viagem foi a Adriana Neves e foi de uma gentileza sem igual. Eu comprei o pacote em Março de 2012 e recebi os vouchers somente em Maio porém, ela deixou bem claro que estaria priorizando as viagens antes da minha pois, eu só ia viajar em Novembro e o tempo todo foi me tranquilizando porque sim, eu fiquei desconfiada. Ligava pra ela, mandava email, acho que até fui um pouco chata mas em momento algum, fiquei sem resposta. E quando entramos em Maio, lá estavam todos os meus vouchers.

      Esse ano, vamos comprar de novo outro pacote pelo Oferta Prime porque realmente, eles são uma agência muito honesta.

      Obrigada,
      Gabriela

      • Clarissa Donda

        Gabriela, fico muito feliz que tenha dado tudo certo. Recebo vários pedidos de indicações de compras coletivas e saber que essa experiência com a Viagem Prime deu certo é um alívio para muita gente – afinal, é uma prova de que complas coletivas não é só sinônimo de estresse!
        Obrigada por ter compartilhado!

    • Ivan Yort

      Já comprei um pacote para Miami/Orlando pela ViajePrime (ofertaprime) e não tive problema algum. Vou de novo esse ano, só estou esperando um pacote com menos dias (uns 4 ou 5) aparecer para novembro/2013

    • Ana Paula Custódio

      Olha, eu fiz duas viagens para Orlando com pacotes de sites de compras coletivas.
      A primeira foi em abril de 2012. Comprei Miami e Orlando no clickon, pela empresa MC Brasil Turismo. Deu tudo certo. Paguei depois uns extras para acréscimo de noites e troca de categoria de carro. Tive um imprevisto na volta com a passagem de minha filha, que estava em voo diferente do meu. Tive que pagar uma diferença de U$ 200,00 para mudar o voo dela, mas a agência me reembolsou posteriormente.

      Da mesma forma com a Viaje Prime, que possui a operadora própria. Comprei os pacotes no final de 2012 e viajei agora em fevereiro de 2013 para Orlando (voo direto), com toda família e uns amigos. Recomendo muito o serviço do site e da empresa. O vendedor que mantive contato durante todo o período que antecedeu a viagem foi muito atencioso e sempre respondia rapidamente e de forma eficaz todas minhas dúvidas.

      A única diferença foi que na primeira viagem, comprei os pacotes com meses de antecedência e recebi os vouchers quase na semana da viagem.

      Na Viaje Prime, mesmo com quase quatro meses de antecedência, recebi de os vouchers do hotel, carro e aéreo muito rápido. O que me tranquilizou bastante.

      E, agora já estou de olho novamente no site, pesquisando novas oportunidades.

    • ana augusta

      Olá Venicio,
      entrei justamente procurando info difamatórias ou não sobre a Viaje prime. pois estou olhando um pacote miami/orlando para 4 pessoas com a Adriana e queria ter mais confiança a respeito.
      bom saber da sua presença e envolvimento e continuo aguardando resposta da adriana sobre alguns detalhes

  21. Guilherme - Viajando com Eles

    Oi Clarissa,

    Sensacional a matéria. Poder ajudar alguém é a melhor sensação para um blogueiro. Acredito que dá ainda mais credibilidade ao nosso trabalho.

    PARABÉNS.

    Até + !!!

  22. Eliete

    Nossa quase que caio nessa roubada !!! Vou fazer um pacote na CVC que eu ganho mais, que extress, Deus é mais !!!

  23. Danilo

    Olá.
    fiz uma compra esta semana, nao consigo contato com a agencia e estou morrendo de medo de ter me metido em um problemao igual o que voce descreveu.

    agencia é egipciatours.

    obrigado.

    • Sandra Medeiros

      Vê se ela é a antiga LUXOR… eles nem te atendem e eu fui lá, não me deixaram entrar, fiquei na calçada. Uma falta de respeito imensa! Eu só recebi meu dinheiro de volta, pois já estava com uma ação montada e um dos meus amigos que ia viajar comigo é da imprensa e falou direto com o Peixe Urbano no Rio e só assim eles devolveram dinheiro. Devemos acreditar que não existem milagres, preço é preço e eles fazem o que querem, pois a impunidade no nosso país é algo real. Viajar só em agência de viagem normal ou conhecida.Te aconselho REGISTRAR TODOS OS CONTATOS. Compra coletiva é uma ROUBADA! Te desejo sorte e que vc possa contar uma estória diferente! Abraço!

  24. Jessica

    Olá Clarissa, ótimo post.

    Eu estava realmente tentada em comprar um cruzeiro pelo Viajar Barato, mas vou comprar pela agência que é mais garantido!! Férias só quero sossego, e para os lugares mais caros como Europa, Cancun e EUA, guardo dinheiro e vou quando der. Assim que as viagens sempre aconteceram na vida de todos antes da internet, não é?!

  25. Erica

    Clarissa, adorei seu blog, parabéns..
    obrigada por compartilhar essa experiencia,
    opiniões de quem já passou por sites de compras
    coletivas são sempre bem vindas.. rs Beijoo

  26. Mirella

    Clarissa,sua matéria é excelente!! Parabéns!!

    Gostaria de compratilhar que cai na roubada de comprar um pacote para Gramado Natal Luz com minha mãe e mais uma amiga, porém estou há duas semanas tentando agendar a data da viagem e não consigo, o SAC do Groupon diz que já foi encaminhado o caso para a supervisão técnica e terei que aguardar, pois está com problema na parceria com a TRAVEL, sinceramente estou muito angustiada, pois me programei para fazer este passeio agora em dezembro e tenho medo que não dê certo.
    Você tem alguma sugestão para me dar?

    Obrigada

    Mirella

  27. Mirella

    Clarissa,sua matéria é excelente!! Parabéns!!

    Gostaria de compratilhar que cai na roubada de comprar um pacote para Gramado Natal Luz com minha mãe e mais uma amiga, porém estou há duas semanas tentando agendar a data da viagem e não consigo, o SAC do Groupon diz que já foi encaminhado o caso para a supervisão técnica e terei que aguardar, pois está com problema na parceria com a TRAVEL, sinceramente estou muito angustiada, pois me programei para fazer este passeio agora em dezembro e tenho medo que não dê certo.
    Você tem alguma sugestão para me dar?

    Obrigada

    • Clarissa Donda

      Mirella, não sei dizer muito o que pode ser feito agora – acho que temos mais como agir antes da compra, checando tudo! Minha reação seria, após esse acontecido, mandar direto uma msg com um “FAIL” bem grandão para o Groupon (em especial o lá de fora, que foi quem resolveu o problema). Mas como você falou que eles estão com problemas na parceria (o que me leva a crer que a Travel já deve ter dado algumas mancadas), a situação fica mais complicada.
      Faz o seguinte: vê o histórico da Travel, que é quem vai prestar o serviço, no reclame aqui e no Procon, para saber se ela promete mais do que entrega. Continua tentando falar diretamente com eles (e registrando todas as suas tentativas) e com o Groupon, aqui e lá de fora (talvez pelas redes sociais seja mais rápido. Esse é o histórico que tenho observado nas empresas em geral).
      E de resto, é torcer para que eles respondam, uma vez que você estará falando com ambos e jogando as coisas nas redes. No momento não sei se você pode entrar com uma ação mais forte, como advogado, sei lá. Mas mesmo assim, guarda todos os comprovantes – vai render uma boa (e provavelmente, ganha) briga na Justiça depois.

      Desculpe, não é a resposta mais satisfatória, né? Mas se a parceria já está com problemas, fica mais complicado saber como agir!

  28. ivamaria

    tambem entrei numa roubada no peixe urbano, comprei vouchers para final de semana em buzios rio de janeiro, comprei em janeiro 2012, em julho qdo, fuui fazer as reservas. o hotel não tinha mais vaga, alegaram que todo mundo escolheu praticamente o mesmo periodo, tive que me contentar com rreservas em maio de 2013!!!! quase um ano depois. iva

  29. Diego

    Muito bom o post. Confesso que estou sendo tentado por essas compras coletivas de viagens. Vou me casar em março do ano que vem, e tava querendo ir pra Europa em lua de mel. Porém, ao fazer cotação na CVC, por pessoa ficava por volta dos 4 mil dólares, mesmo comprando com antecedência. No Groupon, tem umas 3 ou 4 promoções, e sempre na bagatela de 2699,00 reais, ou seja, é uma diferença EXTREMAMENTE grande (na casa dos 10 mil reais).

    Andei pesquisando sobre a “Otur Turismo”, que é a agência parceira, e em todas as pesquisas realizadas (que li num blog sobre agências de turismo sobre como fazer), sempre ‘conferiu’. Inclusive certificado do Ministério do Turismo, da IATA e etc. Mas ainda assim, o receio é enorme.

    Será que, é possível alguém me dar uma luz, em realizar ou não essa compra? Apenas uma opinião que me ajudasse a pensar no assunto.

    Também, sugeriria à autora, quem sabe realizar uma ‘pesquisa’ sobre os hotéis oferecidos nos pacotes de compras coletivas, pois às vezes pode ser um hotel daqueles bem ‘fuleiros’, que pode estragar toda uma viagem… rs

    Obrigado pela atenção!

  30. Sandra Medeiros

    No início deste ano, eu e mais 2 amigos compramos uma viagem para Itália pelo PEIXE URBANO ( PARCEIRO AGÊNCIA DE VIAGENS LUXOR), e um mês antes da viagem, cancelaram tudo e pronto e simples… quem se programa com o trabalho pra fazer uma viagem dessas e nada dá certo, o que se sente? Depois de muitos contatos com o Peixe Urbano, um dos meus amigos é da imprensa, ameaçou colocar a boca no trombone… depois de muito estresse o Peixe Urbano, devolveu nossos 8.500,00 (oito mil e quinhentos reais). Eu tive muita raiva e NUNCA MAIS na minha vida eu compro uma viagem em sites de compra coletiva! NUNCA MAIS!!! Até agora nunca ouvi uma estória com final feliz! Fico muito chateada, pois vejo todos os dias essas promoções MENTIROSAS e absurdas! E todo mundo caí e nenhuma autoridade intervem e multa esses mentirosos!

    • VIOLETA

      Estou com problema semelhante com o Hotel Urbano/Expedia. Comprei passagem para USA em agosto, já pedi uma duzia de vezes que me forneçam o voucher para eu viajar e eles ignoram totalmente. Meu marido está doente em Long Island precisando de mim e eu aqui… sem poder fazer nada. Se alguem puder me dar uma dica, por favor…
      Agora está acontecendo o seguinte: O Hotel Urbano manda eu ligar para a Expedia, que, por sua vez me pede para eu ligar para o Hotel Urbano, que, me coloca funcionarios atendentes totalmente despreparados para atender5. Eles estão alí para matar o tempo entao ficam o tempo todo testando os nossos nervos. Será que não há uma fiscalizaçao ou uma puniçao para maus prestadores de serviço como Groupon e Hotel Urbano?

      • Clarissa Donda

        Violeta, acho que a melhor forma é essa: divulgar o péssimo atendimento. Mas verifique quem foi o emissor da sua compra, se foi a Expedia ou o Hotel Urbano, pois geralmente quem emite o bilhete é quem tem que entregar os vouchers. MAs acho que o melhor a fazer é colocar a pressão em ambos – ou, como foi o caso, recorrer À administração central lá fora, no caso do Groupon e Expedia.

        Boa Sorte, Violeta, e lamentamos o transtorno. Estamos torcendo para a situação se resolver logo – nos avise se chegar à alguma solução!

  31. Ana

    Grata por me livrar desta

  32. Lúcio Sousa

    Eu comprei 2 cupons para ir a Orlando pela Viagem Prime, porém, antes da compra troquei nada mais que 46 e-mails com a empresa para ver disponibilidade de voo e tirar ínumeras dúvidas. Foi uma semana trocando e-mails, olhando sites de reclamações e etc antes de clicar na opção comprar.

    Pois bem, cliquei na opção comprar e comecei a ser atendido pela Cristina, que sempre responde os e-mails no mesmo dia, quando não instantaneamente.

    Fiz o depósito das taxas, enviei os comprovantes e em menos de 2 horas recebi as passagens áreas e os vouchers do hotel e do aluguel do carro.

    Viajo em 13/02 e espero voltar aqui e contar que minha vigame ocorreu da melhor forma.

    Até o momento nada tenho a reclamar da Viagem Prime.

  33. Franciele

    Que excelente matéria. Eu estava tantada a comprar um pacote para os EUA através do Grupon. Aquele “friozinho na barrga” se transformou em certeza. Não comprarei. Pago um pouquinho mais caro, porém, garanto minhas férias com meu marido.
    Obrigada pelo tempo dispensado em nos alertar com sua experiência. Um abraço, Franciele.

  34. Emanuelle Gonçalves

    Meu Deus to mto afim de comprar uma promo do groupon + agora to apavorada…
    Q faço…Socorro!!!!
    A empresa ligada ao groupon é a Busca Viagens sabe alguma coisa…
    Grata desde já…

    • Clarissa Donda

      Emanuelle, não sei dizer sobre esta empresa e não tenho como atestar se você vai ter problemas ou não – afinal, aqui a gente só está trocando experiências! Mas como tem algumas pessoas que comentaram aqui que fizeram viagens pelo Groupon sem problemas, acho que o que vale é pesquisar a idoneidade e o compromisso da empresa de outras formas: faça uma pesquisa no Reclame aqui se tem reclamações anteriores, liga para a empresa e pergunta sobre o pacote, procura saber tudo, se informa com outras pessoas que compraram… acho que esse é o melhor caminho para evitar ter dor de cabeça…

  35. Rafael

    Bom dia!
    Como informei anteriormente, comprei meu pacote através do Groupon para viajar pela empresa Viaje Prime. Não tenho do que reclamar, estou sendo muito bem atendido pela funcionária Rosangela, que em menos 1 semana após escolher as datas da viagem, me encaminhou os vouchers.
    Por segurança, entrei em contato com cada uma das empresas (carro, hotel e passagem) para verificar se a reserva realmente existia e tudo foi confirmado! Minha viagem é dia 29/03 e muita coisa pode acontecer até lá! Mas como afirmei anteriormente, até o momento só tenho elogios para o atendimento recebido!

    • Clarissa Donda

      Rafael, obrigada por estar compartilhando com a gente a sua experiência! De fato, torcemos para que não haja problema nenhum com sua viagem, e não tenho dúvidas que, uma vez você voltando satisfeito das suas férias, vai ser uma mão na roda para muita gente que quer comprar estes pacotes de compras coletivas mas morre de medo de acontecer algum problema…

      Obrigada mesmo por dividir com a gente! 🙂

  36. Lucas

    Li todo o relato e apesar de no final parecer que o Groupon foi bem eu NÃO RECOMENDO NADA NO Groupon, comprei um dvd automotivo no valor de 980,00 no groupon, a parte da cobrança funcionou fantasticamente bem, ai na hora de receber descubro que a empresa não existe e que no local existe um deposito vaziu, e fico meses ouvindo que a empresa vai resolver que o groupon ja entrou em contato com a empresa, essa que não existe, em fim não vou estender o relato, o fato é que as empresas de compras coletivas não tem nenhum critério de seleção de parceiros, e se ela faz uma oferta de outra empresa, ela é legalmente solidaria e responde por essa venda. Na minha opinião para se manter no relato, resolver o problema aos 45 do segundo tempo não demonstra que é uma boa empresa, demonstra que é uma péssima empresa, pois se não resolvesse não seria uma empresa seria um criminosa. Groupon nunca mais!

    • Clarissa Donda

      Lucas, o final do Relato não colocamos o Groupon como “se tivesse se saído bem”, mas achamos importante colocar as duas partes e informar que ele está tentando cumprir a parte dele após todo o transtorno – e pontuamos nossa surpresa pela rápida ação das redes sociais do Groupon nos EUA, as únicas que nos ajudaram. Mas de fato, o transtorno que os clientes tiveram com a compra não é reembolsável, não é (nem que a mesma tenha sido parcialmente resolvida em cima da hora)? O objetivo do post foi exatamente este, de questionar se há algum critério de seleção dos parceiros, como isso funciona e, inclusive, de saber relatos de pessoas que já fizeram uma compra em sites de compras coletivas e estão satisfeitas com o resultado – e estamos descobrindo que há histórias com final feliz sim, pelos comentários. O que sempre é um bom sinal.
      Enfim, é para partilhar experiências mesmo – e obrigada por compartilhar sua opinião aqui 🙂 ! Mas uma coisa não muda: independente do tipo de compra, nunca é demais fazer uma pesquisa antes da empresa parceira e de clientes anteriores. Não custa nada…

    • SUELY

      não viajei, não recebi as taxas de embarque (fazem quase 2 anos) e o processo contra groupon e star travel está correndo. a star travel nem comparece às audiências…

  37. VIOLETA

    EM AGOSTO 2012 COMPREI UMA PASSAGEM PARA USA DA EXPEDIA ATRAVES DO HOTEL URBANO… TEM SIDO UMA VIA CRUCIS… NAO CONSIGO A PASSAGEM, NEM QUE ELES ME RESPONDAM, NEM O DINHEIRO DE VOLTA. SE ALGUEM TIVER ALGUMA IDEIA DE COMO SAIR DESSA POR FAVOR ME DIGA.

  38. VIOLETA

    Quando comprar alguma passagem e a agencia de turismo for a GROUPON x VIAGEM LISTO, de Sao Paulo, por favor, saiam de fininho.
    Cheguei em Buenos Aires, sozinha, as 23 horas o guia de turismo pegou um casal que ia para o mesmo hotel que eu, disse-me que nao poderia me levar porque a Viagem Listo não tinha lhe fornecido o meu nome. 11 da noite, eu, sozinha em B.Aires, peguei um taxi e paguei uma nota!!! No dia seguinte no cafe da manha o mesmo guia, Pablo, estava lá vendendo o seu peixe: excursoes para compras, onde, ao chegar, a primeira coisa que tinhamos que fazer era dizer o nome do guia… Ele levou as pessoas longe, distante, para comprar as mesmas coisas, que tinham nas lojas ao redor do hotel, pelos mesmos preços. Uma curriloa: viagem Listo + Pablo !

  39. Conciana Duarte Monte

    Bom dia, parabéns pelo seu apoio!!!

  40. Lúcio

    Voltei hoje da minha viagem a Orlando pela Viagem Prime… não tenho nada a reclamar, tudo deu certo, as passagens, hotel, reservas de carro e tudo mais. Porém, como já disse anteriormente, antes de clicar na opção comprar troquei inúmeros e-mails com a empresa, vendo questão de datas e tirando todas as dúvidas possíveis!!!!

    Fui muito bem assistido pela Cristina, que sempre de forma muito ágil respondia minhas questões, marcou assentos e tudo mais!!!

    Super recomendo a viagem prime e em janeiro irei novamente com eles a Orlando!!!

    • Clarissa Donda

      Lúcio, fiquei bem, bem feliz em saber da sua experiência! E, pelos comentários de outras pessoas aqui neste post, vai ser bem útil também, já que esse feedback positivo pode fazer a diferença.
      Massss, fica o aviso: tem que fazer certinho, como você fez – trocar milhões de mensagens, porque sempre penso que é no pré-atendimento que você vê a qualidade do serviço e o comprometimento com o cliente que está em jogo!
      Obrigada por dividir! 🙂

    • Leila

      Lúcio, tenho a intenção de comprar uma viagem à Orlando para toda minha família pelo viagem prime. Confesso que depois de li o relato da Clarisse fiquei com dúvidas. Gostaria, se possível, vc me descrevesse com detalhes sua experiência com essa agência para que eu possa buscar segurança na hora de adquirir meu pacote de viagens.
      Obrigada!

  41. Rafael Gomes

    Conforme informei em mensagens anteriores, estamos embarcando na próxima sexta-feira (29 de março), estamos com todos os vouchers e acredito que não teremos problemas! Se possível assim que chegar lá ou quando retorno, informo se tudo ocorreu bem!

    • Clarissa Donda

      Rafael, obrigada por compartilhar sua viagem conosco! Esperamos que aproveite bastante, e tô até pensando em comprar com eles também!

  42. Rafael Gomes

    Pessoal, voltamos de viagem no sábado (06/04)!
    Tudo ocorreu perfeitamente conforme o pacote que compramos!
    Já estamos planejando a próxima viagem! Compramos através do Groupon e o pacote foi comercializado de Viaje Prime, nosso atendimento na empresa foi realizado pela Rosangela que nos atendeu sempre rapidamente com muito profissionalismo!
    Não irei me alongar nos detalhes pois já escrevi em comentário anterior!
    Recomendo!

  43. GLORIZA GUIMARÃES

    Olá! Estou de olho em uma viagem internacional oferecida pela WebViagens, e vendida pelo Clickon. Como não vi nada postado sobre a empresa e o site de compras coletivas, pergunto agora: Alguém tem alguma informação sobre essas empresas?

    • Clarissa Donda

      Gloriza, não conheço essa empresa, e não tenho como te ajudar. Mas dá uma pesquisada nela através do Reclameaqui, ou liga e pede as informações mais detalhadas, prestando atenção no atendimento da equipe pré-venda. Isso já pode dar algumas pistas…

      • GLORIZA GUIMARÃES

        Valeu, Clarissa! Pesquisei no Reclame Aqui e não deu outra: a reputação da WebViagens deixa a desejar e, por isso, optarei por outra. Obrigada!

  44. Venicio

    Quero muito agradecer a todos pelos relatos, o esforço da equipe Viaje Prime é enorme para que tudo saia como o combinado, e vc’s nao tem ideia do orgulho em ver o resultado deste esforço no relato espontaneo de nossos clientes. Em nome da equipe Viaje Prime, deixo o nosso “Muito Obrigado”, e lembrem-se de nós em sua proxima viagem.

    Por falar nisso estamos com algumas promoções que estao chamando atenção, a ultima é de Miami + Orlando com aereo e carro por R$ 999,00 em 10x sem juros.

    Mas leiam as regras pq existem restricoes e as taxas sao de aprox 300usd.

    Ah! Após mais de 4.000 clientes tomei meu primeiro Reclame Aqui, é inevitavel, mas o motivo me incomodou demais. Meu link ünsubscribe” da newsletter estava direcionado pra um endereço errado, o cliente tentou se descadastrar e como continuou a receber as ofertas por email, se revoltou e antes mesmo de nos ligar, optou por registrar uma reclamação. Veja como uma falha infantil pode comprometer a imagem de uma empresa. Ele tinha todo direito de registrar a reclamação, mas o conteudo da mesma foi além do tolerável na minha opinião, gostaria de saber a opinião de vc’s, e qual atitude tomariam? (acessem o Reclame Aqui e digitem Viaje Prime)

    Aguardo comentarios.

    Abs a todos,

    Venicio
    Equipe Viaje Prime
    (011) 3501-6601

    • Gabriela

      Olá Venicio,

      Como sou cliente fiel da Viaje Prime, gostaria de saber se voces farão alguma promoção para NY.
      Queremos ir pa lá esse ano… em novembro.

      Obrigada,
      Gabriela Muniz

    • Venicio Neto

      Olá Gabriela, a Adriana (Agente de Viagem) está cuidando de seu pacote para NY, Caso tenha qualquer dificuldade, me comunique por favor.

      Venicio Neto
      011-3501-6601
      venicio@viajeprime.com.br

  45. milena

    Gostaria muito de agradecer a determinacao da materia isso ajuda e muito, estava com muito receio de comprar na viageprime, mas depois de ler os depoimentos vou arriscar….acho ate que o dono site devere presenter a autora com uma viagem, posto que essa materia vendeu no minimo uns 10 pacotes para o site mencionado.rrr
    grande abraço e muito obrigada

    • Venicio Neto

      Verdade Milena, a Clarissa sem dúvida terá uma condição mais que especial caso queira realizar sua próxima viagem com a Viaje Prime.

      Um Abraço

      Venicio Neto
      11-3501-6601

  46. LeticiA

    Sempre olho as promoções e em certos momentos fico me coçando, mas o medo de perder meu suado din din me impede de prosseguir com a compra.Prefiro reservar minhas passagens pelo decolar.com mesmo e meus hotéis no booking.com, ou direto com as próprias cias aéras (às vezes as taxas saem mais baratas) ou com os próprios hotéis, como gosto de “desbravar” os lugares, pesquiso nos blogs sobre os destinos, cato um mapinha assim que chego nos hoteis e vou à luta, é sempre mais divertido! rs Sites de compras coletivas compro no máximo um rodízio de pizza e olhe lá 🙂

    • Clarissa Donda

      Leticia, eu também pensava o mesmo que você, mas como você pode ler nos comentários, tivemos a boa surpresa de encontrar uma série de “cases de sucesso” em compras coletivas com a Viagem Prime, que tem me ajudado a mudar minhas impressões. E comentado pelos próprios usuários dos pacotes! Dê só uma olhada nos comentários para você ver como não foi uma surpresa bacana! 🙂

  47. Gabriela

    Concodo com a Clarrissa! Não estou querendo defender essas empresas que agem de má fé porém, percebo o quanto os consumidores não pesquisam ou se informam antes de efetuar uma compra num site de compra coletiva.

    Aproveitando, obrigada Venício pelo retorno! Depois que comentei aqui no blog, que tive a ideia de entrar em contato diretamente com a Adriana, logo mais estarei viajando novamente por vocês.

    Obrigada,
    Gabriela

  48. Ana Paula

    Olha, se alguém tem dúvidas a respeito de compra de viagem em site de compras coletivas, com a Viaje Prime podem fechar de olhos fechados.
    Já viajei com eles e estou cotando mais uma para posteriormente.
    Pessoal honesto e atencioso.
    Já tratei com dois funcionários (Adriana e Oswaldo) e indico a todos que me perguntarem!

  49. Daniele Polis

    Olá, Clarissa, acabei entrando nesse post sem querer e vim compartilhar a minha experiência!

    http://danipolis.com.br/blog/2013/01/comprando-viagem-em-site-de-compra-coletiva/

    Foi tudo bem, não tive nenhum problema e com certeza eu compraria de novo! Mas pesquisando tudo, tintim por tintim!

    Beijo!

  50. Ana Luiza

    Eu passei pela mesma coisa, na mesma época, com o Groupon e Star TRavel! hahaha
    O pior: a viagem era dupla (eu + minha mãe), e resolvemos “dar de presente” (baita presente de grego) para a minha avó (que tem quase 80 anos) também! Pagamos toda a diferença – hoje eu sei que a gente pagou muito mais do que deveria – para ela ir junto, mandaram os vouchers na véspera, de noite, com a gente também achando que não ia viajar, pra voos nada a ver (sou de SC e comprei passagem até SP) e quando chegamos lá, não tinha nada (só o traslado de chegada em Buenos Aires)… Prejuizo!
    O pior é que a minha avó já teve quadros de sindrome do panico que acabaram voltando no meio de todo aquele stress…

  51. Andrea

    Olá Pessoal,
    Olha eu já fui 2 vezes para Miami e Orlando em uma compra coletiva, foi através do site Oferta Prime e a operadora de viagem chama Viaje Prime.
    A pessoa que me atendeu lá foi ótima, fiz minha reserva as duas vezes sem problema nenhum, graças a Deus.
    beijos
    Andrea
    Blog WaltDisneyOrlando.com.br

  52. Mara A T Barbosa

    Alguém comprou pacote com a ZARPO e com a operadora OTUR. Estou pensando em ir para a Argentina, mas estou com receio…

  53. Glaucia Campos

    Acho muito bem feito pra quem compra nesses sites de compra coletiva, principalmente viagens, uma falta de respeito e consideração com os profissionais da área.

  54. Glaucia Campos

    Acho muito bem feito pra quem compra nesses sites de compra coletiva, pois é uma falta de consideração muito grande com os profissionais da áerea. Mesma coisa que tomar remedio por conta sem consultar um medico que estudou e esta a disposição para te ajudar.

    • Clarissa Donda

      Glaucia, com todo o respeito, discordo de você. Para começar, acredito que um serviço que é oferecido, qualquer que seja, deve ser feito com qualidade, e a culpa não é do cliente, pois pagou por um serviço que muitas fezes, não foi o mesmo que foi entregue na hora da venda. E, geralmente, quem oferece esses pacotes de compra coletiva são agências de turismo, que empregam os mesmos profissionais da área a que você se refere. O que acontece é: uma agência, ao optar por vender um pacote como compra coletiva, por qualquer que seja o motivo (promoção do nome, ficar conhecida no mercado, fechar um número x de vendas, etc), tem que planejar corretamente na hora de oferecer o serviço, e ciente de cara que ela não vai ter a mesma margem de lucro do pacote original. Ou seja, cabe a ela decidir se vale a pena vender por compra coletiva ou não, mas uma vez optando por vender nessa modalidade, tem que entregar o que foi acordado.
      E discordo com a comparação com médicos – é algo totalmente diferente. Os médicos tem que ser consultados por serem os profissionais que fazem o diagnóstico, acompanham o caso e possuem o conhecimento que pode salvar uma vida. São propostas diferentes. Já o agente de viagem não é peça fundamental numa viagem. Ele ajuda bastante, é claro: por exemplo, acho que um dos principais diferenciais do agente de viagem é poder agilizar e resolver problemas durante a viagem, como um voo cancelado, problemas com hotel ou incidentes maiores (greve de companhias aéreas, cinzas de vulcão, coisas desse tipo), uma coisa que sempre é chata de resolver quando se compra por conta própria. Já tive problemas nesse sentido e a ajuda de um agente foi fundamental. Mas ele não é indispensável para uma viagem: o viajante pode e tem o direito de optar por planejar uma viagem por conta própria, e fazendo isso tem todo o direito de ser bem atendido.
      Como viajante, jornalista e blogueira de viagens, encaro minhas viagens de forma séria, e raramente fiz a contratação de agências, porque acho que faz parte do meu trabalho aprender a parte da viagem por conta própria, pois me ajuda a descobrir melhor os segredos (e, sobretudo, os perrengues) de se viajar sozinha para um lugar, para poder contar melhor depois aqui, e ajudar outras pessoas a fazerem o mesmo. Viagens são um prazer ao alcance de todos, e contratá-las por um agente é uma excelente opção para quem quer comodidade e atendimento – mas é um serviço, é uma opção.
      A meu ver, espero que tenham mais compras coletivas de viagens sim, se organizadas e oferecidas com respeito ao consumidor (e já temos casos positivos nesse sentido). Assim como deve ter mais agências de viagem e mais viajantes independentes. Acho, honestamente, que há lugar para todos.
      Acredito, mesmo, que todo mundo ganha com isso! Mais gente viajando é sempre melhor, concorda? 🙂

  55. Lela

    Oi,
    Muito bacana a matéria.
    Eu acho que tudo a gente vai aprendendo. Quando comecei a comprar cupom, com dificuldade ou não consegui resolver tudo. Via que viagem é complicado, pois tinham muitas tentado ser revendidas, a pessoa compra no impulso e com medo do prazo e daí não consegue. Os sites de viagem pipocavam. Então, comprei a primeira viagem no Peixe Urbano, o pacote não incluía passagem. Não deu certo. Mas concordo, que primeiro errada é a agência. Problema clássico: eles fazem páginas que saem do ar, divulgam emails que ninguém responde. Aí você precisa ligar e muito, e o email para contato é outro. O funcionário do cupom é um só e ele não está e ele não retorna. O retorno demora muito. Nessa primeira vez eu pedi as datas elas confirmou que tinha, respondi em sequência para reservar, aí mais de uma semana depois ela responde que não tinha, claro não reservou logo. Briguei no reclame aqui e consegui meu dinheiro de volta. Nesse meio tempo já havia programado a viagem, comprei a ida via cruzeiro, também por cupom. O atendimento não foi ótimo, mas pelo menos consegui. Tem que cobrar, descobrir o email certo e ligar. Recebi meu dinheiro de volta e fui bookando tudo por conta hotel, city tour…
    Última experiência comprei um pacote no Viajar Barato, deu tudo certo. As únicas coisas foi que o primeiro contato não deu certo, mas depois teve uma moça que me atendeu muito atenciosa e não poupou ligações. E o meu hotel foi trocado por um inferior, mas no fim foi melhor pela localização que era excelente e lá tivemos muito problema com a wifi.
    Concluindo eu acho que sim, as empresas de cupom deveriam controlar a qualidade, a prestadora teve muito problema corta. Interessou? Leia todas regras, pesquise no reclame aqui e se puder ligue antes de comprar. Acho que nesses termos dá sim para comprar, até porque muitas empresas de cupom estão fechando, com o tempo ficam só as boas.
    Algumas delas tem espaço para pergunta e a empresa responde, outras o cancelamento consta ser gratuito.
    No mais agora também existe a Turismo weekend, ainda não testei. Alguém sabe dizer?
    Abraço!

    • Clarissa Donda

      Lelinha, eu concordo com você. Acho que a responsabilidade é de ambas, agência e empresa de compras coletivas, porque o fato é simples e um só: se o cliente pagou pelo serviço, merece recebê-lo.

      Mas claro, nem sempre isso acontece, e aí fica mesmo a cargo da gente, consumidores, ficar atento a isso. Continuo achando a formato de compras coletivas um formato interessante, mas apenas se honradas as condições da venda. O único receio é que, na minha opinião, você ofertar compras coletivas de um produto é uma coisa (você pode fazer girar o seu estoque, por exemplo), ou num hotel de baixa temporada para aproveitar a propaganda num momento em que há espaço para suprir a demanda, é uma coisa… Você não dispende muito da sua operação e consegue se gerenciar. Agora, acho que a venda de um pacote por compras coletivas já é algo mais complicado, porque os serviços em jogo são vários, e é preciso que a equipe da agência tenha consciência de que consegue atender a demanda, considerando que a operação pode ser complicada (vai ter muita gente procurando) e a margem de lucro baixa (porque é uma promoção). Ou seja, se a agência não consegue planejar isso, ela dá um tiro no pé. Claro, há muitas que conseguiram – aqui nestes comentários há vários exemplos disso – mas muita empresa embarcou na onda de vender por compra coletiva sem planejar a casa direito, e aí dá nisso…
      Enfim!!! Espero que apareçam mais opções – boas – para a gente!
      Nâo conheço a Turismo Weekend, mas talvez alguém aqui pode conhecer!

      Um abraço, e obrigada pelo comentário!!! 🙂

  56. Ana Paula

    Acho que não podemos generalizar. Há empresas e “empresas”. Antes de fechar qualquer pacote em site de compra coletiva, procuro pesquisar antes na net possíveis reclamações sobre a prestadora. Já deixei de comprar um anúncio tentador para New York pelos pontos negativos que encontrei sobre a operadora que oferecia os serviços no site . Mas, como disse, nem todas são assim e, mais uma vez, cito a Viaje Prime ou Oferta Prime como exemplo. Vou para Vegas em outubro através deles e já fiz outras duas viagens com pacotes dessa agência e amigos também fizeram e estão recomendadíssimos. Agora começaram a veicular comercial na TV e espero que não subam os preços dos pacotes (que por sinal são excelentes) por isso!!!!!

  57. Jéssica Diniz

    Eu utilizei uma vez o site cruzeiros coletivos para um cruzeiro pela Msc, o magnífico Fantasia!
    Foi maravilhoso! Mais do que esperado..Compramos uma cabine interna e recebemos uma cabine externa com varanda! Não tivemos problema algum. A Agencia responsabilizada era a Leaf turismo, que eu aliás super recomendo! Quem nos atendeu em toda nossa insegurança e inúmeras ligações foi o Evandro que sempre foi muito atencioso e respondia nossas duvidas com clareza.
    Eu acho que a compra coletiva só resulta em algo negativo quando há confiança demais! rsrs
    Tem que ter a pulga atrás da orelha mesmo, ligar quantas vezes for necessário, pesquisar o cnpj, ver em sites de reclamação como é a reputação da empresa..e depois de tudo isso se jogar!
    Eu particularmente, a partir deste cruzeiro só viajo através de compras coletivas!

    Obs: Nos restaurantes dentro do navio dividimos mesa com mais 4 casais que fecharam a mesma oferta que nós, todos muito satisfeitos também.

  58. Lucas

    Estou vendo a propagando da viajeprime na tv e estou querendo comprar mais estou na duvida, com a questão dos valores se é o anunciado ou tem N taxas e acaba ficando o mesmo valores de outras agencias.

    • Clarissa Donda

      Lucas, é melhor você tirar essas dúvidas diretamente com eles. Sempre é recomendável fazer uma boa pesquisa antes de fechar, mas pelo que muita gente falou por aqui, o pessoal está bem satisfeito. Mas liga para eles e confirma! 🙂

  59. Alline

    Gostaria de saber se alguém já comprou no site viajem mágica, as ofertas realmente são tentadoras mais não achei nenhum lugar comentando sobre o assunto. Realmente ninguém. A propaganda passa nos canais a cabo como Sony e a Axn. Você tem alguma informação sobre isso???? Se é realmente seguro??

    • Clarissa Donda

      Olá, Alline!
      Olha, eu não sei te responder (não tenho um feedback ainda sobre essa agência). Mas vou deixar sua pergunta aqui, para alguém que visitar a página possa te ajudar! 🙂

    • Suzana

      Também procurei e não achei nada, Alline. Não me pareceu confiável, mas foi apenas a impressão.

  60. Ana Paula

    Bom, voltei pra contar minha terceira experiência com a Viaje Prime. Voltei quarta-feira passada de Vegas. Comprei o pacote com eles, acresci mais um dia na viagem. Foi tudo certinho, sem problemas no aéreo, hotel, etc.

    Já fechei para Orlando em fevereiro, com eles também. Recomendo!!!!

  61. Tânia

    Em novembro de 2012 eu comprei um pacote na Viaje Prime para Orlando e Miami com carro alugado. Não poderia ter sido melhor, tudo correu bem, passagem, hotel, carro. Tudo perfeito. Recomendo!

  62. Andréia

    Olá, hoje eu comprei uma viagem para a Patagônia Argentina no Peixe Urbano/Otur turismo. Alguém já viajou com essa empresa. Estou procurando por reclamações e só achei uma reclamação mais séria que foi uma passagem cancelada sem os clientes saberem. As outras 2 reclamações foram que não estavam informando nas regras da promoção que a taxa de embarque era individual e a outra que a pessoa achou que a viagem podia ser feita em feriados nacionais.
    Fico só preocupada com a reclamação de cancelamento, as outras 2, eu já sabia antes de comprar o pacote.
    Se alguém puder me ajudar dando um feedback, eu ficaria muito agradecida. =)

    • Clarissa Donda

      Olá, Andréia!
      Eu não conheço essa agência, mas se ela não tem muitas reclamações no Reclame aqui pode ser um bom sinal – ou, talvez, porque ela seja nova no mercado ainda!
      Sabe como você pode ter uma melhor impressão dela? Vamos deixar a pergunta aqui para o pessoal que já conhecer essa agência responder, mas uma alternativa é ligar para lá e tratar direto com eles antes de comprar o pacote. Pergunte tudo? como funciona, vouchers, se der problema, prazo dos envios, pessoas de contato, tudo mesmo – e só pense em tomar uma decisão se você sentir que esse atendimento foi satisfatório e te deixou mais segura!
      Em relação à reclamação que você viu sobre passagem cancelada, às vezes isso pode acontecer (por exemplo, um voo que seja cancelado por problema na aeronave, mau tempo ou qualquer falha na operação) e nesse caso, quem cancela é a companhia aérea (comigo já aconteceu várias vezes!). Nesse caso, o procedimento comum é a companhia aérea realocar você em um voo alternativo, e a agência é que faz esse meio de campo cobrando a companhia aérea e te comunicando. Então veja se a reclamação em si tem a ver com isso!
      E boa sorte – tomara que você consiga! Patagônia Argentina é um sonho de tão linda! 🙂

    • Andréia

      Oi Clarissa!

      Então, 2 reclamações foram de setembro do ano passado e uma foi de outubro passado. Pelo que eu vi, o da reclamação da passagem cancelada, os 2 clientes não ficaram na mão, conseguiram voar mesmo assim e depois deu certo o cruzeiro deles. O maior transtorno foi mesmo o da passagem aérea cancelada, de acordo com a reclamante, estava escrito no computador que foi cancelado pela empresa de turismo, mas a empresa de turismo tava tentando contactá-los para avisar o ocorrido e, como não conseguia, falou com a família deles.
      Eu já comprei o pacote, confesso que agi meio por impulso, pois é uma das minhas viagens dos sonhos =D Mandei um e-mail para eles perguntando de disponibilidade de datas, pois pretendo ir no mês que vêm. Tomara que dê tudo certo, estou bem empolgada.

    • Andréia

      E eu não senti muita necessidade em ligar antes, pois eu achei que tava tudo muito bem explicado no Peixe Urbano, as datas, como se pega o voucher, os pagamentos, os passeios inclusos, os hotéis do pacote. Fui checá-los e, aparentemente, são bons.
      Mas é questão de esperar. Espero poder voltar aqui só falando maravilhas. =D

    • Andréia

      Clarissa, eu sei que não tem muito a ver com o tópico, mas como você já foi para a Patagônia, eu gostaria de uma dica de quanto se gasta por lá. Qual o preço de uma refeição simples? Qual a média/dia? Muito obrigada

      • Clarissa Donda

        Oi, Andréia! Torço para dar tudo certo na sua viagem sim!
        Olha, eu fui para Calafate e Ushuaia sim, mas em 2010 (ou seja, o referencial que eu tenho está desatualizado). Mas o que posso te dizer é que os preços da Patagônia, mesmo em peso, não são tão baratos quanto na Argentina em geral, mas também é mais em conta do que almoçar por aqui no Brasil (supondo que você vá a um restaurante todo dia).
        Eu confesso: alguns dias fiz mercado (tem um mercado na rua principal da cidade que ajudou bastante) porque tava numa onda de dieta, frutas e tal. Não lembro quanto eu paguei, mas lembro que fiquei satisfeita com as compras, sem pagar demais.
        A maior parte dos dias eu ia jantar num único restaurante em Calafate, porque gostei da comida, do ambiente, do preço e do garçom (era um gato, mas isso a gente deixa para lá porque é uma outra história! :P). Mas fiz um post sobre lá aqui: http://ec2-54-210-88-75.compute-1.amazonaws.com/la-chica-y-el-calafate/ Tem os nomes dos restaurantes e onde ficam. Acho que ele ainda existe, pelo que ouvi dizer. Não sei como estão os preços lá, mas lembro que o custo benefício era bom: preço razoável, comida boa.
        Tem um só que é chique, gastei na época uns 117 pesos, então hoje você deve gastar muito mais, mas vale a pena pelo menos uma vez: foi o melhor cordeiro que eu já comi em toda a minha vida (e nenhum até hoje chegou perto). Tá lá no post também!
        Calafate tem os preços mais em conta do que Ushuaia (achei mais caro a cidade como um todo) e Torres del Paine (Chile é mais caro mesmo, comparando com Argentina).
        Desculpa não poder te dar valores pois não os tenho atualizados, mas a medida é essa mesmo: um bom restaurante lá é mais barato que um equivalente daqui – mas não é o destino mais barato da Argentina não.
        Recomendo muito (muiiiiiiiiiiito) você experimentar o cordeiro patagônico, os vinhos locais e os sorvetes de calafate: são deliciosos e super típicos da região.
        Espero que tenha ajudado! 🙂

    • Andréia

      Oi Clarissa! Muito obrigada pela sua resposta, com certeza me ajudou muito para ter noção dos preços. =) Vou ler o seu post.
      Garçom gato? Vou ficar pela Patagônia mesmo hahahahahah
      Os contatos que estou tendo com a empresa têm sido bons. Eu liguei para a companhia na segunda para reservar a data do voo e eles foram bem prestativos, no mesmo dia me enviaram por e-mail os horários dos voos que irei pegar. Agora, estou esperando eles fazerem a reserva da parte terrestre e me passarem.
      Em dezembro, eu volto para dar o meu testemunho =D

      • Clarissa Donda

        Que bom! Tomara que você curta mesmo! Conta mesmo depois como foi!
        Pois é, era um gato mesmo… 🙂 Boas surpresas que a gente encontra viagens afora…

    • Otur Representações

      Bom dia a todos,
      Primeiramente gostariamos de agradecer a Andrea pela escolha de nossa oferta e depois dizer a todos que somos uma empresa já com 22 anos de mercado onde atualmente divulgamos com muita seriedade nossas ofertas em site de vendas coletivas onde já temos 6.000 passageiros embarcados.
      Aproveito a oportunidade tambem para agradecer a explicação sobre vôos cancelados, foi justamente isto que ocorreu. Em uma das greves da Grecia a cia aérea cancelou o vôo e infelizmente o cliente achou que foi a Otur que cancelou a reserva que acreditamos tenha sido por pouca experiencia em viagens, visto que cancelamento da reserva de uma pessoa que já iniciou a viagem em momento nenhum poderia ser benéficio nem para otur e muito menos para o cliente.
      Estamos contentes de encontrar mais este canal de comunicação.
      Será um prazer para nós da Otur, responder e ou esclarecer qualquer dúvida.
      Nosso site http://www.otur.tur.br
      Ficamos à disposição,
      Att
      Equipe Otur

    • Andréia

      Oi Clarissa, cheguei da Patagônia na segunda, então estou voltando para contar a minha viagem. Olha, não podia ter sido melhor =). A minha compra foi pelo Peixe Urbano e a Otur turismo, de Belo Horizonte, foi super prestativa comigo, tirando as minhas dúvidas e com os vouchers. A única coisa que eu não gostei foi que não me avisaram que teria que pagar as taxas dos aeroportos em El Calafate e em Ushuaia, são só 28 pesos, mas mesmo assim, é bom saber de antemão… Mas eu vi que é só um erro deles, tinha uma turista belga que foi meio grossa com o cara das taxas falando que não sabia dessa taxa e tudo o mais.
      A empresa contratada por eles para me atenderem lá foi a Tiempo Libre e ela foi super pontual em tudo, nos traslados e nos passeios, contratei outros passeios com eles também e deu tudo certo. Os guias eram ótimos e bem conhecedores da região.
      Enfim, a viagem foi ótima!
      Quanto as cidades, eu curti mais El Calafate, é menor, mais fácil de se locomover a pé e o povo da cidade foi mais simpático comigo do que em Ushuaia. Como eu adoro andar de bicicleta, curti ter locado uma e me locomover por lá assim. (35 pesos/hora)
      Os passeios são mais caros que em Ushuaia, mas dá para curtir a cidade sem gastar muito, eu só gastei mesmo indo no Safari Náutico (120 pesos) e fazendo uma cavalgada (280 pesos), de resto foram coisas baratas, ir a Laguna Nimez (40 pesos), assisti shows em bares à noite e passeei muito a pé.
      Já em Ushuaia… Achei a cidade muito sem ter o que fazer, o meu hotel era longe, aí sempre ter que pegar taxis ou remis é complicado. O que eu curtia em El Calafate é que na hora da siesta, eu podia voltar pro hotel, dar uma descansada e voltar pro centro depois, em Ushuaia eu não tinha tanta grana para ficar gastando assim em taxis.
      Fiz os passeios de Catamarã, que vai até a ilha dos pássaros, ilha dos lobos e pelo farol, vale a pena, custa 450 pesos. Fui andar com os pinguins, custa 550 pesos, mas valeu o dinheiro gasto e também no Museu do presídio (110 pesos). O meu último dia lá foi no domingo, um taxista tinha me falado que as coisas ficavam abertas, que mentira! Tava tudo muito morto.
      Ah, eu vi no seu post que não dava para usar cartão por lá, isso agora já deu uma melhorada, em quase todos os lugares tem cartão, mas eu recomendo que levem mastercard, o meu visa sempre dava problemas com o chip ou sei lá o que e uma gerente de um supermercado e um cara de um bar me falaram que visa sempre dá problemas.
      Quanto aos hotéis, eu fiquei no Vientos del Sur em El Calafate e no Campanilla em Ushuaia. O Vientos del Sur é mais simples, não tem muitos luxos, mas como eu não ligo muito pra isso, eu ficaria lá de novo, de boa. Tem um bom atendimento.
      O Campanilla enche os olhos, mas é longe do centro, fica 45 pesos a corrida do taxi pro centro. Quando eu for novamente, tentarei um hostel ou um hotel mais próximo ao centro. E teve uma coisa que eu não gostei, eu fiz a viagem sozinha, aí o casal que é dono do hotel, sempre me faziam sair de onde eu estava sentada no café da manhã para sentar onde eles tinham montado a mesa para um e eu não gostei de onde eles me enfiavam, fora que era vergonhoso, fizeram isso na frente de outros hóspedes. Nunca vi disso, é só montar a outra mesa, isso, pra mim, é coisa de preguiçoso e eu já fiz outras viagens sozinha e nunca passei por isso. Sei lá, pode ser exagero meu, mas eu nunca mais ficaria lá.
      Bom, foi isso a viagem, acho que escrevi demais hahahahaha
      Ah, a minha paixão argentina foi um atendente de uma sorveteria em El Calafate, a Tito helados. heheheheh Aliás, não reclamaria que os argentinos povoassem mais o Brasil hahauhauahuaha
      Abraços e até a próxima viagem!

  63. ana augusta

    Quando fui fazer a minha compra de viagem coletiva, pesquisei em um monte de lugares, inclusive aqui. Fechei com a Viaje prime. Acabamos de chegar de Miami -Disney. Me senti na obrigação de postar aqui a minha grata surpresa. Meu pacote não só saiu como comprado como ainda melhor. Na locadora tivemos um upgrade de carro, o hotel era super honesto e condizente como q foi vendido e o voo foi tranquilo na ida e na volta. a pessoa que me atendeu na Viaje prime foi sempre a Adriana. Super prestativa, tirou todas as minhas duvidas e sempre me deu retorno. Durante a viagem tivemos um problema médico, contactei o seguro e eles me retornaram em 20 minutos. fomos atendidos e tudo resolvido. super aprovei!

    • Clarissa Donda

      Ana, obrigada! Fiquei muito, muito feliz em saber disso – e saber que uma sugestão levou a outra, e outra, e outra, e tem tanta gente feliz com os tours comprados por lá!

      Tenho que dizer: eu não tenho absolutamente nada a ver com a Viaje Prime, e nem foi um post sobre eles, a coisa que foi se desenrolando pelos comentários deste post, como você pode ver acima. Mas fico sempre feliz de, ser saber, ter criado um espaço com referências bacanas e que funcionam para ajudar as pessoas a viajarem melhor. Afinal, foi para isso que eu criei o blog!

      Mas fico feliz de saber que deu tudo certo – e espero que o problema médico não tenha sido nada grave!

  64. nisa

    um post bem pontuado e bem comentado tb rsrsrsrs Sou compradora de algumas promoções assim, hoteis, passagens e etc. o mau atendimento que tive em duas ( das quase 20 viagens, passeios e hospesagens q comprei) foi ressarcido em $$. E bem reclamado. Reclamar é bom! suja a imagem deles! HAUHUAHUA Que dó das pessoas que passam por isso.. q raiva de serviço mal prestado! Beijos na alma

  65. Bianca

    Oi Clarissa!!

    Adorei seu post e coincidentemente, comprei o MESMO PACOTE que você, na mesma época, etc e tal. O que aconteceu foi que a minha viagem, depois de inúúúúúmeras tentativas de contato com a empresa, troca de e-mails, contatos telefônicos frustrados, enfim, um martírio, como vc já sabe, NÃO SE REALIZOU. Resultado: tive que entrar na justiça para ser ressarcida, depois de mais de um ano, ganhei e fui ressarcida – pouca coisa, mas fui – tb por danos morais. Neste caso, a justiça tardou , mas não falhou. Minha única frustração foi não ter viajado e nunca mais comprei no groupon. Obrigada por compartilhar, me senti não tão sozinha neste causo!! Abraçosssss

    • Clarissa Donda

      Bianca, que pena, e que estresse o seu, hein? Na verdade, quem passou esse estresse todo foi a Elaine, como tá no post – eu só ajudei jogando o problema dela no ventilador – ou seja, no Twitter, e depois postando aqui. Mas tanto ela e eu achamos que a viagem só aconteceu por causa desse banzé, também!
      Esse “causo” desse post foi interessante, porque muitas pessoas que passaram pela mesma situação comentaram, e ficamos bastante desconfiadas de compras coletivas – e também, por outro lado, descobrimos que tem casos positivos de compras coletivas que honram a venda, e descobrimos tudo na troca de comentários aqui nesse post mesmo! Mas olha, fiquei feliz de saber que pelo menos a justiça não falhou, e que haja viagens melhores na próxima vez!

  66. idalina

    Quero relatar também minha experiência com viagem internacional em site de compra coletiva. Ano 2013, empolgada por um cruzeiro, combinado com passagem aérea e hospedagem, para Itália, Grecia e Turquia, comprei o pacote, para viagem em outubro. Após vários contatos com a operadora, consegui confirmar os dados. Os vouchers chegaram uma semana antes e tudo transcorreu muito bem. Portanto não podemos generalizar. Existem operadoras sérias e com pacotes comprados por operadoras brasileiras o CDC é nosso aliado em caso de problemas.A operadora que utilizei foi a webviagens e o pacote do peixe urbano.

  67. Eliana

    Parabéns Clarissa, pelo Blog e pela forma respeitosa com que trada todas as demandas desse espaço aberto ao diálogo.

    Quero aproveitar também e parabenizar o Sr. Venício Neto, postura idônea que tem demonstrado a respeito dos comentários feitos sobre sites de compras coletivas. Melhor ainda porque essa seriedade foi claramente atestada por todos os viajantes que tiveram experiência com a Viagens Prime!!!

    Sou Eliana, e já faz muito tempo que desejo fazer uma viagem internacional. Tenho 43 anos e nunca tive essa oportunidade. Hoje tenho dois filhos e quero realizar com eles alguns sonhos que nunca pude realizar para a minha própria infância e adolescência. Meu filho completou há dois dias atrás 18 anos (02/05), e eu desejo (muito mais do que tenho reais possibilidades) fazer com ele uma viagem em comemoração a esta conquista. Minha filha tem 8 anos e eu planejo também que, quando ela completar 10 anos, possa levá-la à Disney. Talvez essas sejam as duas únicas viagens internacionais da minha vida.

    Como nunca viajei pra fora do país, tenho um pouco de medo e por conta disso, prefiro que, caso eu consiga realizar esses sonhos, a viagem seja “assistida” e não por minha própria conta. Ainda mais porque irei sozinha, carregando os maiores tesouros que tenho na vida (meu filho e minha filha).

    É neste sentido que escrevo-lhe. Já entendei que uma compra coletiva pode ser bem sucedida a depender da seriedade da empresa responsável. Já entendi também que é preciso fazer contato com a empresa da compra do pacote e lhe fazer todas as perguntas possíveis. O problema é que como nunca viajei, não sei sequer quais as perguntas que deveria fazer. Vocês poderiam me ajudar nisso?

    Muito grata,
    Eliana

    • Clarissa Donda

      Eliana, obrigada pela mensagem carinhosa!
      Mas entendi sua pergunta: e desde fico meio insegura de responder, pois é aquilo, né: uma primeira viagem, ainda mais com as pessoas mais importantes da sua vida, carrega em si uma expectativa grande, e eu me sinto na maior responsabilidade para responder algo que – toc, toc, toc, bate na madeira – por algum motivo, imprevisto ou qualquer coisa dessas que acontecem sem a gente querer, pode vir a dar errado e, bem, fui eu que dei a dica.
      Então, vou responder como se fosse eu a viajar pela primeira vez: viagem é uma coisa importante, porque é carregada de expectativas. Viagem é sonho, pessoal e sonhado por meses de planejamento – natural que a gente queira que dê certo! Eu já viajei várias vezes por conta própria e foi tudo às mil maravilhas, mas eu estava relativamente “escolada” – e mesmo assim, em determinados momentos, a gente tem que pedir uma informação, dúvida, assistência – o que é normal, porque é um país que a gente não conhece.
      Então, eu recomendaria, sendo extremamente sincera, você comprar com uma agência mesmo. Um pacote tradicional, com toda a assistência que eles podem oferecer. Até porque a grande vantagem de uma agência de viagens é essa: poder contar com o serviço deles para resolver as coisas da viagem e montar o pacote como você precisa e merece. E eu falo isso sem vender peixe nenhum, porque não tenho parceria com agência nenhuma, mas é por pura experiência de quem já viajou por via independente e por agência. Se acontecer de seu voo atrasar, liga para a agência e ela resolve. Tudo, tudo. E se você optar por ir nesses pacotes com guia brasileiro, a liberdade é menor – mas a assistência tá ali, o tempo todo.
      Minha primeira viagem ao exterior foi com 10 anos, e fui com minha mãe – ela contratou uma agência com guia para fazer tudo para a gente, já que ela não falava nada de inglês e era a primeira viagem para fora. Minha primeira viagem por conta própria: comprada por agência também (e a segunda também. Só na terceira comecei a bater minhas asinhas sozinha). Hoje, minha mãe viaja uma vez ao ano, com 60 anos, feliz da vida – sempre com agência. Reclama da falta de liberdade e do grupo, mas reconhece que é a melhor opção para ela.
      Eu te digo isso, e eu sou uma viajante independente, que uso agência hoje em último caso. Mas se é sua primeira viagem, e você está receosa, o que é mais importante é se sentir segura, não?
      Quanto a compras coletivas: algumas oferecem o pacote hotel + voo a preços ótimos, mas pouca informação e assistência do que fazer quando tiver por lá (e isso é uma questão de produto: se é mais barato e com base em ofertas, a empresa pode de fato entregar o que prometeu – a oferta e o serviço – mas a assistência no dia a dia da viagem com dúvidas e orientações nem sempre está incluída).
      Viagem não é um bicho de sete cabeças, não mesmo – e muito provavelmente, depois da primeira você vai viciar e querer mais! 🙂 Mas se você se sente desconfortável e prefere ser assistida, eu recomendaria conversar com agências e compras coletivas, as duas opções em paralelo – e ver o que o seu coração te diz. Pergunte sobre como funciona a emissão das passagens, como é se houver um atraso do voo, quem te busca e leva no aeroporto, seguro de viagem (como funciona e como usar, se precisar), quais atrações incluem, o que inclui no hotel, quando você recebe os vouchers de cada um… Tudo. Na verdade, na internet você acha muita informação que te ajuda nesse primeiro momento para quem quer viajar sozinho pela primeira vez (se você vai viajar com crianças, vê esse blog aqui: http://viajandocompimpolhos.com/).
      Mas enfim, “sente” qual das opções te deixa mais feliz e segura. Acho que isso é um bom sinal para qualquer decisão!
      E precisando, estamos aí! Espero tê-la ajudado! 🙂

  68. Lore

    Comprei um pacote de hospedagem em Fernando de Noronha pelo Hotel Urbano, confirmei as datas com o hotel 3 meses antes da viagem e quando entrei na minha conta do Hotel Urbano, o voucher constava como passado da validade. Eles disseram que erraram a data de utilização e que não estava mais valendo, iriam me dar o valor em créditos para comprar outra hospedagem. Não aceitei, já que os outros pacotes custavam o dobro do preço. Recebi vários emails do HU dizendo que eu não poderia mais utilizar o voucher, na conversa online que tive diretamente pelo site, a funcionária foi super grossa e parecia que não queria mesmo resolver meu problema. Fiquei muito estressada com a situação e resolvi mandar outro email para a pousada, que confirmou as diárias. Eu não entendi nada, mas resolvi arriscar. Fui à Fernando de Noronha na dúvida de onde iria realmente me hospedar, se o pacote seria válido, caso contrário eu entraria com um processo contra o site. Chegando lá o pessoal do hotel foi super prestativo e disse que estava tudo certo, que não entendeu o que aconteceu com o voucher e porque o HU me deu uma informação errada. Bem, minha viagem foi ótima. Mas por pouco ela não deu certo. Resolvi não comprar mais no HU e nem mexer mais nesse caso, quero só recordações boas de Noronha. Abraços!

    • Clarissa Donda

      Nossa, Lore, que saco!!! Imagina ficar em Noronha – e logo, Noronha, que é um sonho de lugar! – com essa tensão de não ter onde ficar!
      Bom, pelo menos deu tudo certo!

  69. Bruna

    Parabens Clarissa pelo blog, pela matéria e pela boa vontade nas respostas! Graças a esse post tomei confiança e farei minha primeira viagem internacional. Após os bons relatos da viaje prime, estou pesquisando com essa agencia e estou bem confiante que tudo dará certo. Obrigada!

  70. Mônica Costa

    Olá, boa tarde!
    Eu e minha amiga Thais compramos um pacote de viagem para o Peru pelo Hotel Urbano coma OTUR. Enviamos o comprovante de pagamento das tarifas no dia 18 e até agora não conseguimos resposta da empresa. estamos telefonando diariamente pra lá e só recebemos uma mensagem automática.
    Estamos preocupadas.
    O que fazer?
    Obrigada pela atenção.

    • Clarissa Donda

      Olá, Mônica. Acho que a melhor forma nesse caso é manter todos os comprovantes de depósito e contatos com a empresa em mãos, e ficar insistindo, tanto com a empresa quando com o próprio Hotel Urbano. Dá uma pesquisada no reclame aqui, se tem outras reclamações com essa empresa, e insiste no contato via telefone, email, redes sociais…

  71. Ana Elisa

    Adorei o post e li todos os comentários! rs
    Queria saber uma empresa confiável que faça viagens para Europa pois quero passar minha lua de mel lá.
    Alguém já viajou para Europa sem problemas? Obrigada!

    • Clarissa Donda

      Ana, você diz viagem pela Europa por compras coletivas? Não conheço nenhuma agência que faça esse tipo de pacote para lá como compras coletivas não. Mas posso dar um pitaco (opinião de quem está morando na Europa agora e já veio por aqui algumas vezes a trabalho e a passeio)? Se é lua-de-mel, é uma ocasião mais do que especial e tenho certeza de que sua viagem estará coberta de expectativas e sonhos – não é uma viagem qualquer! Sendo assim, eu não arriscaria: ou você contrata uma agência de viagem, ou se programa com antecedência, compra as passagens com bons bons preços e planeja você mesma sua viagem. Assim, você elimina a possibilidade de dar algum chabu desses tão comuns de compras coletivas, e de ficar tensa esperando se vai receber os vouchers ou não logo na véspera da viagem – ainda mais se é lua-de-mel e na véspera tudo o que você precisa é se concentrar no seu casamento! Melhor não arriscar, né?

  72. Walclei Eudes de Souza

    Oi, Boa noite!
    Li seu post e achei muito parecido com minha viajem para Orlando em 2012 com minha esposa. Compramos um pacote pela Viajanet, 7 dias em Orlando + passagem + carro de aluguel. Uma semana antes da viajem recebi o voucher da passagem aérea para Miami e começou minha peleja para receber o voucher do hotel e do carro, ligações + e-mails, manhã, tarde e noite e nada. chega o dia da viajem e nada, a hora da viajem e nada. Viajamos mesmo assim, chegamos em Miami 16:00h e agora o que fazer, para onde ir. Comprei um cartão de internet e comecei a tentar contato com a empresa através do chat, e graças a Deus, depois de muita conversa, recebi os vouchers por e-mail e consegui prosseguir a viagem sem mais per causos, mas o estresse pré viagem foi gigante.

    • Clarissa Donda

      Walclei, que chato saber disso! Espero que o resto da viagem corra tudo bem – infelizmente, casos como o seu e o do post não são raros.

  73. Thiago

    Muito boa essa reportagem. Já vi inúmeras promoções de compra coletiva e fiquei tentado a comprar (principalmente as internacionais), mas sempre desisto na ultima hora.

    Na verdade tenho uma frase como certa: ” o barato sai caro “…. prefiro gastar um pouco a mais, e ter certeza que não terei dor de cabeça…

    • Clarissa Donda

      Tiago, eu penso da mesma forma que você. Nunca gostei do atendimento que tive em compras coletivas com outros produtos (como salão ou restaurante) e nunca quis arriscar com viagem. Acho que é um modelo de negócio que não se aplica neste segmento com eficiência, mas confesso que fico atenta (e feliz) ao ler os comentários de outras pessoas neste post que já tiveram boas experiências. Sinal de que há boas propostas por aí sim, basta encontrá-las!

  74. soraia

    Olá Clarissa, boa tarde.

    Adorei tudo! suas dicas, seus textos, a possibilidade de dividir experiências boas e ruins de outras pessoas.
    Sobre a tão mal falada compra coletiva, eu tenho 2 experiencias que seriam internacionais.
    Dido seriam porque as viagens não aconteceram!
    A primeira seria para CUBA: Não tenho certeza absoluta do nome da agência porque já se passaram muitos anos, mas se não me falha memória é a mesma dos fatos acima, Star Travel.
    Meu caso não foi tão conturbado quando o relatado acima porque o próprio Groupon, talvez por ter recebido uma enxurrada de reclamações, me mandou um email informando que estava cancelando a parceria com a empresa e que me devolveria o valor pago, o que demorou uns 40 dias, mas de fato ocorreu.

    Contudo, como o Groupon agiu corretamente na situação acima mencionada, cai na besteira de comprar outra! Essa que foi em 2011 até hoje não consegui resolver por completo. A agência desse caso chamada NEW WAY TURISMO, na minha opinião se cadastrou no Groupon para dar um golpe (planejado) desaparecendo com o dinheiro de milhares de pessoas.
    Nesse caso fiz todo o procedimento e cheguei a acreditar que iria viajar. Mas alguns dias antes da viagem recebi @ do Groupon informando que me ressarciria pois tinham cancelado a parceria com a empresa, em razão da mesma não estar cumprindo as obrigações assumidas com os clientes.
    Seria tudo muito lindo se não fosse, primeiro a expectativa que criamos para a viagem, que não raras vezes é a viagem dos sonhos (a minha era!), segundo o fato do Groupon estar disposto a me devolver a penas o valor pago diretamente ao Groupon, mas o valor pago direto à agencia, relativo a parte do meu filho e taxas, etc…a essa eles até hoje não devolveram.
    É fato que depois de 2 reclamações através do reclame aqui, eles me encaminharam um email semana passada informando que farão uma transferência para minha conta em 10 dias úteis…estou aguardando.
    E eu compraria de novo um pacote de viagem pelo Groupon? Não!, mas cabe esclarecer que já comprei por outros sites pacotes nacionais e não tive problemas.

    • Clarissa Donda

      Que perrengue, Soraia! Obrigada por dividir aqui com a gente: assim todo mundo fica sabendo de mais casos.
      O ruim, acho, que mesmo quando o problema é resolvido, o que fica é a frustração. Afinal, uma viagem não é pouca coisa, né? Tem muita emoção e expectativa junto!

  75. Marcele Nunes

    Quero comprar um pacote da Otur e Peixe Urbano para Paris e Lisboa. Alguém sabe de algo?

    • Clarissa Donda

      Marcele, não sei, nunca fomos com eles. Melhor você pesquisar direto com a empresa (mas antes dá uma olhada no Reclame aqui para se tem muita reclamação!).

  76. Maria Aparecida

    Já tive algumas experiências com compras coletivas entre saldo positivos e negativos fica meio a meio,pois algumas eu fiquei satisfeitas e outras me irritaram muito pois não cumpriram o prometido
    .Mas infelizmente a ultima compra quer fiz foi a pior delas e a mais estressante.comprei um pacote de viagens para Europa com a Clikon em parceria com Webviagens se arrependimento matasse creio que não estaria viva essa empresas são um horror para tratar seus cilente um descaso total há três meses que tento marcar a viagem nas datas estipuladas por eles por meio de email, preenchimento de formularios e telefonemas e não consigo nem mesmo retorno é um absurdo pois os pacotes de viagens são oferecidos com datas estipuladas e portanto trata-se de uma venda enganosa.Pedi o cancelamento e estou aguardando caso haja muita demora pretendo entrar na justiça e pedir ressarcimento de meus prejuizos ,pois foi um sonho frutado de minha filha que aguardava muito essa viagem.No momento não estou podendo nem ouvir falar dessas empresas.Por favor não entre nessa assim como eu vocês poderão ser enganados.

    • Clarissa Donda

      Maria Aparecida, entendo completamente sua angústia! Mas é o que comentamos aqui em cima; acho que compras coletivas de viagens, na maioria dos casos, não é um negócio viável, por isso muita empresa faz e depois não sabe como vai dar conta no atendimento, e aí ficam essas furadas.Mas tem, também, alguns casos de empresas sérias e bem sucedidas, como você pode ler nos comentários – e é bom saber que ainda tem gente séria trabalhando por aí!
      Mas acho que você tem que correr atrás sim do seu prejuízo! Lamento pela sua experiência!

Deixe seu Comentário